Foto do blog: Mario Lamoglia

quarta-feira, 3 de março de 2010


" - Agora que sou uma cega - dizia Vó Inácia ao rifle a tiracolo - , eu sei: devia ter prestado mais atenção na chuva. Viver é simples, a gente é que complica. Olhar a chuva cair é viver e eu não sabia. Molhar na chuva é viver e eu não sabia. Andar descalça na chuva também é viver. Tive que ficar cega para saber."

Roberto Drummond, em O Cheiro de Deus.

3 comentários:

A Moni. disse...

Infelizmente às vezes é preciso perder para saber que teve.

Como diria Fabrício Carpinejar:

"É na tristeza que a gente descobre onde estava guardada a felicidade."

Adorei, Sylvia...

Beijos.

Sílvia disse...

Adorei o seu blog, todo ele me faz pensar e esses são os meus textos favoritos... Adoro as suas palavras :)

Beijo

Sylvia Araujo disse...

É, Moni... pena que não conseguimos evitar sempre o conhecimento empírico das coisas... como dizia a minha avó: é só errando que se aprende. Só que às vezes é um pouco tarde demais.
Beijoca


Ô, Xará...
Obrigada pelo carinho e pela visita!
Venha sempre, pegue uma almofada e se espalhe debaixo do abajour. ;)
Beijocagiga